Prefeitura de Mongaguá tentou coibir manifestação legítima contra rodeio ilegal previsto para dezembro.

confusaoA prefeitura de Mongaguá, representada pelo prefeito Artur Parada Prócida (PSDB), esta promovendo um rodeio no aniversario da cidade com a famigerada prova dos três tambores, na qual nossos irmãos cavalos são usados como maquinas de velocidade, a base de esporadas no baixo ventre e fortes chicotadas no lombo.

Convocou-se uma  manifestação seguindo o que manda a  constituição federal para expor  todas as ilegalidades que serão cometidas para que o circo de horror se monte, chamado pelos organizadores e pela prefeitura como uma inocente “festa de peão”.Todo um aparato da prefeitura municipal  foi montado para sufocar a manifestação.

Leia Mais!

Prefeitura de Mongaguá/SP promove rodeio ilegal na cidade e compra briga com munícipes e ONGs!

 

mongagua_rodeioO prefeito de Mongaguá, Artur Parada Prócida, está apoiando com veêmencia a 1ª Festa do Peão de Mongaguá nos dias 04, 05, 06 e 07 de dezembro, como pode ser visto no site oficial do evento (http://www.festadopeaodemongagua.com.br/), e até a capa da fanpage da da prefeitura  no facebook faz propaganda do evento!

Leia Mais!

Grupos de defesa animal se unem para barrar rodeio em Santana do Parnaíba/SP

Ativistas e protetores da região souberam de um rodeio a ser realizado no aniversário de Santana de Parnaíba de 13 a 16 de novembro, com o nome de Santana de Parnaíba Rodeio Festival 2014.

Depois de pesquisarem a origem e organização do evento, descobriram que em 2013 foi votada e aprovada uma lei na Camara Municipal que autorizava a realização de rodeios e vaquejadas no municipio. A lei é de autoria do vereador Nilson Cadeirante-SDD (email: martinsnil@hotmail.com).

Leia Mais!

Vitória ! Provas com animais são canceladas e dias de shows reduzidos em São Vicente/SP

CENTRO CONVENÇOES CRED LUIZ TORRES DLO evento que foi anunciado no final do mês de Setembro como primeiro rodeio indoor e  que seria  realizado dentro de um prédio público municipal, previsto para dia 23 a 26 de outubro, no Centro de Convenções de São Vicente foi vedado pela própria prefeitura que voltou atrás após o fato ganhar repercussão por toda baixada santista.

Leia Mais!